• Imagem 3
  • Blog Jogo Perigoso
  • Liso pleno Blog
  • Iphone Blog
filmes-e-series category image
8 de julho de 2015
Hello!!!
Hoje vim falar daquele assunto que quase não gosto: filme de terror. E por falar em filme de terror, estou devendo o review de “Jessabelle” aqui no blog. 
Não foram poucas as vezes em que mencionei aqui que tenho preferência por filmes de terror antigos, mas tem alguns que salvam, né? Nesse post vou dar pra vocês dicas de filmes de cada ano, um por ano, dos últimos 10 anos (sem contar 2015 ainda) que gostei e recomendo. Alguns estão na minha lista de favoritos EVER e outros coloquei por serem os ~melhorzinhos~ do ano, já que tiveram anos em que não saíram filmes de terror tão bons assim. Vamos lá então!
2005 – A chave mestra (The Skeleton key)
Sinopse: Caroline Ellis (Kate Hudson) é uma jovem que acompanha doentes terminais, com o objetivo de juntar dinheiro para poder cursar a escola de enfermagem. Em um de seus trabalhos ela aceita acompanhar um senhor inválido, Ben Devereaux (John Hurt), que mora com sua esposa Violet (Gena Rowlands) em um terreno isolado na cidade de Nova Orleans. O local é famoso pela quantidade de cerimônias místicas lá realizadas, mas Caroline não acredita nestas crendices. Ben sofreu um derrame recentemente, que o deixou praticamente paralisado e mudo. Para que Caroline possa percorrer a casa à vontade, Violet lhe entrega uma chave mestra que abre todas as portas. Porém em suas andanças ela encontra uma porta escondida, localizada atrás de uma estante e no fundo do sótão. Caroline abre a porta com a chave mestra e lá encontra várias antiguidades, espelhos que foram retirados de todos os demais cômodos e ainda artefatos aparentemente ligados à prática de algum tipo de magia.
Esse aqui é aquele “ótimo tudo”, ótima história, ótimos atores, ótimo suspense (…) Eu adoro esse filme, só fiquei muito frustrada com o final, hahahaha (quem viu vai entender). Mas não entenda mal, o final é ótimo, só não é lá um final muito feliz, porém é no estilo de finais que eu amo, finais surpreendentes. Estou sentindo que se eu continuar a falar, vai rolar uns spoilers, então vou parar por aqui!
2006 – Terror em Silent Hill 

(Silent Hill)
Sinopse: Rose (Radha Mitchell) é uma mulher atormentada, já que sua filha Sharon (Jodelle Fernand) está morrendo de uma doença fatal. Contrariando seu marido, Rose decide levá-la a uma cidade que sempre menciona em seus sonhos quando está sonâmbula. No caminho para encontrá-la Rose atravessa um portal, que a leva à cidade deserta de Silent Hill. Lá Sharon desaparece, o que faz com que Rose procure a menina por todos os lugares. É quando Rose descobre que a aparente cidade deserta é na verdade habitada por criaturas demoníacas, que surgem de praticamente todos os lugares em que toca.
Acho que não vale repetir o mesmo comentário do filme anterior, né? Hahahahaha… Ótima história, ótima mesmo, totalmente estragada por Silent Hill 2 – Revelation, infelizmente. Sinceramente não recomendo o 2 de forma alguma, além de toda polêmica e atraso pra chegar no Brasil, ficou uma droga (falo mesmo). Mas o 1 vale suuuuuuuuuuuper a pena, assista SIM!
2007 – 1408
Sinopse: Um promissor romancista, Mike Enslin (John Cusack), resolveu enveredar por outro caminho e escrever livros que investiguem fenômenos paranormais. Enslin nunca presenciou realmente algum destes fatos, então fica difícil obter credibilidade. Além do mais Mike é totalmente cético, pois até hoje não encontrou evidências de que exista vida após a morte. No entanto decide ir até Nova York e se hospedar no Dolphin Hotel, mais exatamente no quarto 1408, que tem fama de ser habitado por espíritos malignos. O gerente do hotel, Gerald Olin (Samuel L. Jackson), o avisa que 56 mortes já ocorreram neste quarto, mas Mike está decidido a conferir se sua fama está condizente com a verdade.
Gente, eu sou completamente apaixonaaaaaaaaada por esse filme *_* Também né, baseado em uma história de quem??? Do DIVO Stephen King <3 Então já posso pular a parte de que a história é simplesmente perfeita. Ah, ele tem final alternativo, mas ambos são bons. Esse aqui seria simplesmente impossível não estar na minha lista.
2008 – Uma chamada perdida

(One missed call)

Sinopse: Diversas pessoas recebem mensagens via celular sobre seus últimos momentos de vida. Embora as mensagens possam ser deletadas, seus números crescem cada vez mais. Após testemunhar a morte de dois amigos com poucos dias de diferença, Beth Raymond (Shannyn Sossamon) está traumatizada. Ela sabe que ambos receberam as tais chamadas, que descreviam exatamente como seriam suas mortes. Entretanto a polícia não acredita nela, achando que Beth está perturbada. A única pessoa que crê no que ela diz é o detetive Jack Andrews (Edward Burns), cuja irmã faleceu num acidente parecido com o ocorrido com os amigos de Beth.

Baseado no filme japonês “Chakushin Ari” (asiáticos sempre arrasando nos filmes de terror), esse aqui não é um dos meus maiores amores do terror, mas dos filmes de 2008, esse é o único que digo que é legal de ver. A história é legal por ser um pouquinho diferente, em meio a tantos filmes com histórias tão parecidas, como os de casas mal assombradas.

2009 – Evocando espíritos

(The Hautins in Connecticut)
Sinopse: Quando Matt (Kyle Gallner), filho de Sara (Virginia Madsen) e Peter Campbell (Martin Donovan), é diagnosticado com câncer, toda a família precisa se mudar para um local mais próximo da clínica onde realizará seu tratamento. Aos poucos Matt apresenta sintomas estranhos, tendo uma súbita mudança de comportamento. Ao pesquisar o passado da nova casa, Sara e Peter descobrem que ela fora um centro de pesquisas que procurava algo além do que o simples contato com espíritos.
Só de ouvir a musiquinha dele no trailer já dá pra saber que o bicho pega! Adoro essa musiquinha, se encaixou de forma simplesmente perfeita no filme (clica aqui pra saber de que musiquinha eu estou falando, aos 0:44). História e desfecho muito bons, recomendo sempre! E não, eu não gostei do 2 como do 1, simplesmente desconsiderei como sequência.
2010 – Demônio (Devil)
Sinopse: Cinco pessoas que nunca se viram ficam presas num elevador de um arranha céu comercial. Enquanto rumavam para seus respectivos andares, algo acontece e ele para no meio do caminho. E o que para muitos já seria motivo de tensão, piora ainda mais porque estranhos e violentos acontecimentos começam a surgir dentro do pequeno espaço. Alguém ali dentro não é quem aparenta ser. O medo e a maldade tomam conta do local e do lado de fora, ninguém conseguie arranjar um jeito de ajudá-los. (RC)
História que te prende de verdade, adoreeeeei!!!! Suspense ótimo e a curiosidade vai longe pra saber quem está fazendo aquilo tudo, e no final é quem você menos espera. Final muito muito bom mesmo, RECOMENDADÍSSIMO!
2011 – Apollo 18
Sinopse: Oficialmente, a Apollo 17 foi a última missão tripulada à Lua, tendo sido lançada em 17 de dezembro de 1972. Só que, um ano depois, foi enviado ao satélite uma missão sigilosa, a Apollo 18, financiada pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos. Apenas dois astronautas foram enviados e ambos não sabiam o que estavam por enfrentar. Quando um deles encontra um capacete rachado em pleno solo lunar eles percebem que há algo de errado ali.
Não, não está na minha lista de filmes favoritos ever, mas dentro os filmes de 2011, esse aqui é o que mais gostei. História interessante, final legalzinho, gostei do final adivinha porque…. inesperado. O filme é legal sim e recomendo, só não está naqueeeeela lista.

2012 – A mulher de preto (The Woman in black)

Sinopse: Arthur Kipps (Daniel Radcliffe) foi enviado por seu escritório para regularizar os documentos de uma mansão abandonada, próximo a um vilarejo, cujas crianças morrem misteriosamente de tempos em tempos, sem que ele soubesse de nada disso. Quando começa a ter uma série de visões sinistras durante a execução de suas tarefas, inclusive uma de uma mulher vestida de preto, ele descobre que existe algo relacionado ao passado daquele local e decide investigar, provocando a ira dos moradores e a morte de mais vítimas. Agora, só o tempo para dizer se o seu instinto paternal irá ajudar a resolver esse perigoso e grande mistério.

Gente, que droga foi escolher algum filme de 2012 pra indicar, sério, só saiu merda nessa ano! Hahahahahaha, posso falar aqui uma infinidade de filmes horríveis que saíram nesse ano, “A mulher de preto” foi o melhorzinho, mas não quer dizer que seja booooooom. Também achei esse interessante por ter uma história mais diferente e um final um pouco inesperado. Não é excelente, mas vale assistir.

2013 – Invocação do mal (The

Conjuring)
Sinopse: Harrisville, Estados Unidos. Um casal (Ron Livinston e Lili Taylor) muda para uma casa nova ao lado de suas cinco filhas. Inexplicavelmente, estranhos acontecimentos começam a assustar as crianças, o pai e, principalmente, a mãe. Preocupada com algumas manchas que aparecem em seu corpo e com uma sequência de sustos que levou, ela decide procurar um famoso casal de investigadores paranormais (Patrick Wilson e Vera Farmiga), mas eles não aceitam o convite, acreditando ser somente mais um engano de pessoas apavoradas com canos que fazem barulhos durante a noite ou coisas do gênero. Porém, quando eles aceitam fazer uma visita ao local, descobrem que algo muito poderoso e do mal reside ali. Agora, eles precisam descobrir o que é e o porquê daquilo tudo acontecendo com os membros daquela família. É quando o passado começa a revelar uma entidade demoníaca querendo continuar sua trajetória de maldades.
Grande parte de quem está lendo este post conhece esse filme, ficou mais conhecido por causa de “Annabelle” (tem review aqui

), que veio depois. O filme começa falando da boneca, o que deu a impressão de que o filme todo seria sobre ela, deixando assim as pessoas curiosas em relação a isso, o que fez com que surgisse o filme falando só sobre a boneca. Particularmente, quando vi o filme no cinema e vi que a história não seria sobre a boneca fiquei chateada, mas quanto à história do filme MESMO, eu gostei, não é nada super diferente, uma história basicamente comum, mas é legal, principalmente alguns sustos, que é o que mais chama a atenção no trailer.

2014 – Assim na terra como no


inferno (As above, so below)
Sinopse: Um grupo de arqueólogos está em busca de um tesouro perdido e, para isso, explora o desconhecido labirinto de ossos nas catacumbas abaixo de Paris. Aquela região, conhecida como a cidade dos mortos, revela um segredo que mexerá com a psique humana de modo que os demônios pessoais de cada um voltarão para assombrá-los.
Uma palavra resumo esse filme pra mim: amor. Mas não é pouco amor não, é MUITO amor mesmo. Não pense duas vezes, veja esse filme, sério, se você gosta de filmes de terror, e até mesmo se não gosta, veja esse filme. Ele não chegou a vir para os cinemas aqui do Brasil, o que me deixou muuuuuuuito chteada na época, porém assisti. História genial, final do tipo ~blow you mind~, simplesmente SENSACIONAL, não tinha nem como não ter review dele aqui, né? Pois tem, clica aqui

, e já vou adiantando que a nota que de pra ele foi 9,8, a maior nota que já dei pra um filme “recente”.

Como vocês já sabem, meus favoritos são os clássicos, mas se eu ficar só com eles na cabeça não assisto mais nada, tenho que dar uma chance aos mais recentes também, e vocês viram aqui que alguns deles valeu bastante ter dado a chance. Se alguém aí achar que algum filme, de algum desses anos que falei, foi melhor do que o filme que indiquei, não deixei de dizer aqui nos comentários, adoro falar sobre isso!

Até a próxima! =)

Fotos e sinopses: Adoro cinema 

Compartilhe com os amigos:
4 Comentários

  • 10 Estreias do terror para 2017
  • Filme “Annabelle 2 – A Criação do mal” | Review/Crítica
  • Filme “Don’t Knock Twice” (Não Bata Duas Vezes) | Review/Crítica
  • Comente pelo facebook:
    Comente pelo Blog:

    1. Daniele, 8 de julho de 2015

      OI OI Keti, amo assistir filmes de terror no cinema! HAHA … mas odeio assisitr em casa e sozinha… Vi a sua atualização pelo feed do fecebook e vim correndo ver, <3
      Beijos e mais beijos!
      Me visita neaah? <3

      FACEBOOKINSTAGRAMPORDANIELE.COM ♥ / VISITA O MEU CANTINHO?

      • Kety Ginger, 8 de julho de 2015

        Amo assistir no cinema também, mas em casa é ótimo por não ter aquele povo todo falando, rs

    2. Unshine, 8 de julho de 2015

      wooow, então, não sou fã de filmes de terror sem conteudo sabe? Aqueles que você leva 3 sustos e só. Gosto das tramas, que você fica pensando "mas como? porquê? " e suspense são os meus preferidos. Da sua lista já vi A Chave Mestra, Silent Hill e 1408 (inclusive tenho o livro). Esse Apollo 18 me instigou e A Mulher de Preto me chama atenção faz tempo! Filmes de espíritos e tortura não me chamam muita atenção no geral.
      http://www.rumorandhorror.blogspot.com

      • Kety Ginger, 8 de julho de 2015

        Também prefiro mil vezes história a sustos! De acordo com a sua preferência, acho que você vai gostar de "Assim na terra como no inferno".